Pular para o conteúdo principal

CIA admite existência da Área 51



Sim, a famigerada Área 51 existe, mas ela não funciona como espaço para pesquisas alienígenas, conforme sugerido por produções como o seriado norte-americano Arquivo X e o filme hollywoodiano Independence Day. Pelo menos não oficialmente.
Pela primeira vez em mais de 60 anos de especulações - que chegaram a gerar uma cultura nos Estados Unidos - a CIA enfim reconheceu a existência de uma base com este nome. Fica em Nevada, onde por décadas o governo escondeu um programa de espionagem aérea.
A informação consta em um documento de 407 páginas tornado público pelo departamento de arquivos de segurança nacional da Universidade George Washington, conforme noticia o Atlantic Wire.
A Área 51 surgiu cerca de dez anos após o término da Segunda Guerra Mundial, por decreto do então presidente Dwight D. Eisenhower. A ideia era apenas construir aeronaves não tripuladas capazes de fotografar alvos a longas distâncias. A Força Aérea e a Lockhead, então, desenvolveram uma embarcação que podia equipar câmeras de alta resolução e deram a ela o nome de U-2.
Só que eles precisavam de um lugar para guardar o U-2, e foi em meio às buscas que encontraram uma antiga pista próxima ao lago Groom que fora usada na Segunda Guerra por pilotos da artilharia.

Reprodução
O nome Área 51 já existia, porque é como a região era identificada pela Comissão de Energia Atômica (AEC), a quem tudo aquilo pertencia. Até tentaram mudar isso para atrair os trabalhadores, chamando o local de Paradise Ranch (depois ficou apenas "o rancho"), mas a cultura preferiu se apropriar de Área 51.
O presidente do órgão, Lewis Strauss, atendeu a pedidos da CIA e manteve a área como investimento imobiliário para que pudesse ser usada sem gerar desconfiança - era, para todos os efeitos, um terreno baldio que até hoje aparece como um retângulo no mapa.

Reprodução 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

No filme o Livro de Eli, o personagem principal é cego?

Acho que o filme vale a pena, não só pela excelente fotografia, mas por alguns outros pontos. Eli pode ser cego sim. Ainda vou assistir mais uma vez o filme para confirmar, mas alguns detalhes são importantes para serem notados:
1) Cegos geralmente usam óculos de sol, portanto o fato de todo mundo usar, esconde um pouco o fato de ele usar.
2) Nem todos os cegos tem olhos do mesmo jeito. Se ele não for completamente cego, ele é o suficiente para ter que aprender Braile
3) Ele não olha para o sol e sim o sente em sua face.
4) Ele não encherga que a bateria de seu iPod está acabando? pq fica batendo nele?
5) Vai para o escuro lutar com os primeiros bandidos. Uma tremenda vantagem para quem é cego. Técnica muito usada pelo super-herói Demolidor.
6) Só atira qdo ouve de onde vem o tiro. Se ninguém atirar ele não revida.
7) Ele mata um passaro pelo som. É forçado ele acertar tudo, mas isso é para deixar a gente confuso.
Pois bem, só assisti uma vez, mas vou confirmar isso tudo na segunda. Acho qu…

Dica de configuração do CURA usando PLA

Essas são as configurações que eu fiz em minha impressora ANET A8 para imprimir no PLA.

Criei 2 perfis, um com média qualidade (0,2mm) e outro com alta qualidade (0,1mm).

Média Qualidade



 Alta Qualidade

Suporte para Notebook com tubos de PVC

Fonte: http://tecnicolinux.blogspot.com.br