Pular para o conteúdo principal

Jamais desista de ter a vida que deseja



Desistir da vida que desejamos sempre é uma opção disponível. Entretanto, temos de questionar se isso é uma imposição da realidade ou uma escolha prematura de nossa parte. É desgastante quando, por maiores que sejam nossos esforços, a vida teima em ir na direção do que não desejamos. Ficamos estressados, cansados, doentes e, finalmente, paramos de lutar.

As causas dessa questão passam pela crença de que evoluir significa percorrer um caminho reto para cima, imaginar que devemos ser capazes de nos desenvolver sozinhos e desistir diante da frustração.

A solução está em evoluir em qualquer situação, mesmo se as coisas estão acontecendo como você gostaria. Continue a aprender, refletir e agir na direção que deseja.

Em primeiro lugar, é preciso ter consciência de que a evolução humana é feita por períodos de expansão e contração. Pessoas que passam por um longo período no qual não enfrentam nenhuma crise tendem a achar que a evolução é uma rampa só de subida. Quando a contração ocorre, e ela sempre ocorre, ficam desesperadas. Principalmente, se isso acontecer já em avançada idade adulta.

Outro ponto importante é ter alguém com quem conversar a respeito de seus desejos, planos e ações. É uma pena que nossa cultura fomente a ideia do “self-made man” (aquela pessoa que se fez sozinha).

Um indivíduo que tenta se autodesenvolver levará muito mais tempo nesse processo e, provavelmente, o fará sem método. Vai chegar a conclusões equivocadas e, se uma crise demorar a acontecer em sua vida, achar que é mais esperto que a realidade. Como consequência, em geral, o sucesso o levará ao orgulho, e o orgulho, ao fracasso.

Sem alguém maduro a seu lado, o ego toma conta das palavras e ações e turva a visão da realidade. Por isso, ter um coach, mentor ou conselheiro é uma sábia decisão daqueles que buscam evoluir com serenidade e propósito elevado.

Por último, reflita se é você ou sua frustração que está decidindo quando desistir. Para alcançar grandes objetivos, tenha um plano para dois, cinco e dez anos. Cuidado com nossa cultura, que tem a tendência de fazê-lo pensar como empregado, na qual a recompensa pelo trabalho ocorre a cada 30 dias. Esse é um tempo curto demais para criar estruturas sólidas de conhecimento, maturidade e consciência que levem você à vida que deseja.

O importante é que você evolua sempre. Isso significa aprender nos bons e nos maus momentos. Não importa quanto tempo durem.

Acima de tudo, ao ter consciência da vida que deseja, vá atrás dela e nunca, nunca, nunca desista!

Vamos em frente!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

No filme o Livro de Eli, o personagem principal é cego?

Acho que o filme vale a pena, não só pela excelente fotografia, mas por alguns outros pontos. Eli pode ser cego sim. Ainda vou assistir mais uma vez o filme para confirmar, mas alguns detalhes são importantes para serem notados:
1) Cegos geralmente usam óculos de sol, portanto o fato de todo mundo usar, esconde um pouco o fato de ele usar.
2) Nem todos os cegos tem olhos do mesmo jeito. Se ele não for completamente cego, ele é o suficiente para ter que aprender Braile
3) Ele não olha para o sol e sim o sente em sua face.
4) Ele não encherga que a bateria de seu iPod está acabando? pq fica batendo nele?
5) Vai para o escuro lutar com os primeiros bandidos. Uma tremenda vantagem para quem é cego. Técnica muito usada pelo super-herói Demolidor.
6) Só atira qdo ouve de onde vem o tiro. Se ninguém atirar ele não revida.
7) Ele mata um passaro pelo som. É forçado ele acertar tudo, mas isso é para deixar a gente confuso.
Pois bem, só assisti uma vez, mas vou confirmar isso tudo na segunda. Acho qu…

Dica de configuração do CURA usando PLA

Essas são as configurações que eu fiz em minha impressora ANET A8 para imprimir no PLA.

Criei 2 perfis, um com média qualidade (0,2mm) e outro com alta qualidade (0,1mm).

Média Qualidade



 Alta Qualidade

Gigantes da Indústria - Documentário

A América não foi descoberta, foi construída. Os nomes Rockefeller, Vanderbilt, Carnegie, Astor, Ford e Morgan são sinônimos do chamado "sonho americano". Eles desenvolveram uma visão ousada e criaram grandes indústrias que foram base para o progresso no mundo. São indústrias de combustível, estradas de ferro, aço, transportes, automóvel e finanças. Eles estabeleceram políticas econômicas, se envolveram em eleições presidenciais, e sua influência sobre os acontecimentos mais importantes do século passado é incalculável.


Gigantes da Indústria - Ep 1 Começa outra Guerra [History Channel HD]


Gigantes da Indústria - Ep 1 Começa outra...por DOCUMENTARIOSBM


Gigantes da Indústria Ep 2 Encontrando Petróleo [History Channel HD]


Gigantes da Indústria Ep 2 Encontrando...por DOCUMENTARIOSBM


Gigantes da Indústria - Ep 3 Nasce a Rivalidade [History Channel HD]


Gigantes da Indústria - Ep 3 Nasce a Rivalidade...por DOCUMENTARIOSBM


Gigantes da Indústria - Ep 4 Derramamento de Sangue [History…