Pular para o conteúdo principal

o Google sem querer vêm indexando arquivos em redes domésticoas

Conectar um disco rígido à sua rede doméstica é uma ideia inteligente: isso permite acessar seus arquivos não importa onde você esteja. Mas parece que, em alguns casos, o Google indexou arquivos privados mantidos em tais dispositivos.
Uma investigação feita pela CSO, que analisa segurança e riscos online, revela que alguns dispositivos de rede mal configurados – incluindo discos rígidos externos ligados a roteadores com FTP habilitado – foram indexados pelo Google.
Isso significa que os arquivos pessoais foram tratados como públicos, podendo ser encontrados através de pesquisas no Google e em outros sites de busca.
É claro que isso não é realmente culpa do Google e semelhantes: eles simplesmente rastreiam a web à procura de dados. A culpa é das empresas que deixaram o FTP ativado por padrão – nem sempre o usuário sabe que isso pode acontecer.
A CSO explica que identificou uma enorme quantidade de arquivos desta forma, incluindo:
senhas, fotos privadas (SFW/NSFW), diários pessoais, documentos de genealogia da família, correspondência por e-mail, documentação geral e registros domiciliares, passaportes, RGs estaduais, registros fiscais, documentos financeiros, faturas de cartão de crédito e detalhes da conta, documentos de hipoteca, extratos bancários e detalhes de contas, certidões de nascimento, atestados de óbito, planejamento de pesquisa e desenvolvimento, planejamento de vendas, listas de clientes, lista de clientes a sondar, e muito mais.
Vixe. Eles detalham um estudo de caso no qual foram encontrados os backups do computador de uma família – com arquivos de 2009 em diante – através do Google.
Nesse caso, os dados foram arquivados em um disco rígido Western Digital conectado a um roteador Linksys WRT1900AC, que estava com o recurso FTP ativado. Os arquivos acabaram caindo nas mãos do público, resultando em compras indevidas nos cartões de crédito e débito da família.
A CSO aponta que usuários do Seagate Personal Cloud, Seagate Business NAS, Western Digital My Cloud e LaCie CloudBox foram os mais afetados.
Como saber se você está em uma situação semelhante? A CSO tem um guia explicando como verificar se algum dos seus arquivos foi indexado. Faça o seguinte:
Nome de host
  • copie seu nome de host;
  • abra uma aba do navegador e vá até ftp://[seu nome de host] – por exemplo, ftp://123-456-789-00.user.vivo.com.br – e confira se aparece uma mensagem de erro (indicando que seus arquivos não são públicos);
  • faça uma busca no Google com esses termos:
allinurl:ftp://[seu nome de host] filetype:txt | xls | doc | docx | jpg | jpeg | pdf
Se você encontrar arquivos indexados pelo Google, solicite a remoção deles clicando neste link e inserindo o endereço ftp://[seu nome de host].
Você também precisa configurar seu roteador para desativar completamente o acesso FTP; para isso, confira o manual. [CSO]
Foto por nrkbeta/Flickr

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

No filme o Livro de Eli, o personagem principal é cego?

Acho que o filme vale a pena, não só pela excelente fotografia, mas por alguns outros pontos. Eli pode ser cego sim. Ainda vou assistir mais uma vez o filme para confirmar, mas alguns detalhes são importantes para serem notados:
1) Cegos geralmente usam óculos de sol, portanto o fato de todo mundo usar, esconde um pouco o fato de ele usar.
2) Nem todos os cegos tem olhos do mesmo jeito. Se ele não for completamente cego, ele é o suficiente para ter que aprender Braile
3) Ele não olha para o sol e sim o sente em sua face.
4) Ele não encherga que a bateria de seu iPod está acabando? pq fica batendo nele?
5) Vai para o escuro lutar com os primeiros bandidos. Uma tremenda vantagem para quem é cego. Técnica muito usada pelo super-herói Demolidor.
6) Só atira qdo ouve de onde vem o tiro. Se ninguém atirar ele não revida.
7) Ele mata um passaro pelo som. É forçado ele acertar tudo, mas isso é para deixar a gente confuso.
Pois bem, só assisti uma vez, mas vou confirmar isso tudo na segunda. Acho qu…

Dica de configuração do CURA usando PLA

Essas são as configurações que eu fiz em minha impressora ANET A8 para imprimir no PLA.

Criei 2 perfis, um com média qualidade (0,2mm) e outro com alta qualidade (0,1mm).

Média Qualidade



 Alta Qualidade

Suporte para Notebook com tubos de PVC

Fonte: http://tecnicolinux.blogspot.com.br