Pular para o conteúdo principal

5 motivos para você trocar o WhatsApp pelo Google Allo e 5 motivos para não fazer isso

O WhatsApp pode ser o aplicativo de mensagens mais popular do Brasil, mas está longe de ser o melhor. Existem concorrentes muito mais eficientes em diversas tarefas, embora nenhuma tenha tantos usuários quanto o app de ícone verde que pertence ao Facebook.
Uma das melhores alternativas é o Allo, desenvolvido pelo Google. Mais do que um simples mensageiro, esse app é quase uma janela de bate-papo privada com a inteligência artificial do Google, provendo mensagens de texto, vídeo ou áudio entre contatos e muito mais.
Nesta semana, o app ficou ainda mais completo, graças a uma atualização disponibilizada especialmente para os brasileiros. Confira abaixo alguns motivos pelos quais você deveria aposentar o WhatsApp e começar a usar um aplicativo bem mais completo como o Allo.
1 - O Allo é mais inteligente
Um dos melhores recursos do Allo é o Google Assistente, um sistema de inteligência artificial que conversa com o usuário por texto como se fosse uma pessoa de verdade. Com ele, é possível ter acesso a diversas funções e informações instantâneas da internet com apenas alguns toques. Nada que o WhatsApp seja capaz de fazer.
Quer saber quando o seu time joga? Mande uma mensagem para o Assistente perguntando. Está marcando de ir ao cinema numa conversa com um amigo? Convide o Assistente para a conversa e pergunte-o sobre os filmes em cartaz. Usar o Allo é como ter o Google na ponta dos dedos, sem precisar sair e trocar de aplicativo.
2 - O Allo é mais leve
No Android, o Google Allo ocupa menos de 40MB da memória interna, enquanto o WhatsApp pode ultrapassar os 70MB - mesmo sem mensagens, imagens ou vídeos armazenados. Já que o Allo também usa sua agenda para carregar os contatos, não é preciso manter o WhatsApp instalado ocupando espaço inútil.
Com uma interface bem mais simples e recursos minimalistas, executando a maior parte do seu processamento na nuvem, o Allo é também uma dor de cabeça a menos para o seu celular, roando em qualquer dispositivo intermediário ou dos mais baratos - sem travar ou engasgar o sistema.
3 - O Allo permite maior integração com o Google
Se você é usuário de outros serviços do Google, como o Gmail, o Chrome, o Maps e os apps básicos do Android como um todo, você certamente sentirá os benefícios de usar um aplicativo de mensagens integrado a tudo isso.
Ligado à sua conta do Google, o Assistente do Allo pode localizar rapidamente compromissos na sua agenda, contatos do seu telefone, locais de interesse na sua cidade (o endereço da sua casa e do trabalho, por exemplo) e até suas preferências de pesquisa. Tudo a um simples comando de distância, por texto ou voz.
4 - O Allo é mais útil
Diga a verdade: você só tem o WhatsApp instalado no smartphone porque quase todos os seus contatos só usam ele. No fundo, o WhatsApp é mais uma obrigação do que um app verdadeiramente útil, sendo que vários outros aplicativos podem fazer o mesmo que ele e muito mais.
O Allo é um bom exemplo. Mais do que um mensageiro, o app é um canal de comunicação direto com o Google. É como ter toda a inteligência artificial da empresa à sua disposição para conversar e te informar de forma rápida e simples. O WhatsApp, por sua vez, é só um mensageiro, e nem é dos mais completos.
5 - O Allo é mais divertido
Não existem muitas opções de formatação para as suas mensagens no WhatsApp. Você pode usar alguns códigos para deixar o texto em negrito ou itálico, mas não pode mudar o tamanho da fonte ou adicionar stickers à conversa, apenas emojis.
Nesse sentido, o Allo é mais "divertido" de usar. Além de inserir o Assistente na conversa para conferir respostas engraçadas, você tem à disposição joguinhos virtuais, stickers e pode muito bem aumentar o tamanho da fonte para maior dramaticidade. O Allo enche os olhos, enquanto o WhatsApp é um tanto monótono.






5 motivos para você passar longe do Allo, o 'WhatsApp do Google'


O Google lançou há pouco tempo o Allo, seu próprio aplicativo de mensagens pronto para enfrentar a predominância do WhatsApp. Após sua mais recente atualização, o aplicativo ficou ainda mais completo e cheio de recursos. Mas será que vale a pena tê-lo no celular?

Ontem você viu aqui no Olhar Digital uma lista com cinco motivos para trocar o WhatsApp pelo Allo agora mesmo. Mas esse é apenas um lado da história. O app do Google não é perfeito e, em alguns casos, pode até ser uma dor de cabeça para os usuários.

O WhatsApp, afinal, ainda faz sua função básica de maneira relativamente eficiente, e possui concorrentes ainda mais completos do que o Allo - como o Telegram, por exemplo. Confira abaixo cinco motivos para você passar longe do novo aplicativo do Google.

1 - O Google está sempre de olho

Graças às funcionalidades do Assistente, você pode usar a inteligência artficial do Google para ter acesso a informações instantâneas durante suas conversas. Se por um lado isso é útil para tornar as conversas mais dinâmicas, por outro é mais uma porta aberta na sua vida para o Google entrar.

Para usar o Assistente, suas mensagens precisam passar pelos servidores da empresa, que armazena seus dados como uma forma de manter seu perfil pronto para ser oferecido (de forma anônima, claro) a anunciantes. O Google já sabe por onde você anda (Maps), ao que você assiste (YouTube) e, com o Allo, também sabe com quem e sobre o que você tem falado.

2 - O Allo não é muito seguro

O principal atrativo do Allo é o Assistente, mas não dá para chamá-lo em suas conversas se você estiver no modo "Incógnito", que ativa um sistema de criptografia ponta a ponta. Sendo assim, é mais difícil manter suas conversas em segredo do que em outros apps concorrentes.

Por isso usar o Allo é um tanto menos seguro do que outros apps, como o WhatsApp, por exemplo. Se um cibercriminoso tiver acesso a uma das suas contas do Google, ele pode também ver suas conversas no Allo. É o lado negativo dessa integração total entre os serviços da empresa.

3 - O Allo não tem chamadas de áudio e nem vídeo

O Allo pode ser útil em diversas tarefas, mas com certeza não é o melhor em termos de possibilidades de comunicação. Enquanto o WhatsApp conta com chamadas de áudio e vídeo, o Allo só permite texto - e mensagens de áudio também, mas não ligações.

A opção do Google é que você baixe um outro app, complementar ao Allo, chamado Duo, que oferece videochamadas. Faz sentido usar dois apps diferentes quando você tem o WhatsApp, que faz as duas funções sozinho? Naturalmente, não.

4 - Você não pode usá-lo no computador

O Google concebeu o Allo como uma "experiência primeiramente móvel". Ou seja, não é possível usá-lo em outros dispositivos além do seu celular ou tablet Android. Trata-se de um deslize incômodo da parte do Google, considerando que tantos concorrentes já oferecem essa funcionalidade de múltiplas plataformas.

É possível usar o WhatsApp, o Telegram, o Messenger, o Skype e quase qualquer outro mensageiro popular também no PC. Esse é um recurso muito útil para o usuário que acessa seus aplicativos no trabalho e não quer ficar de cabeça baixa olhando para a tela do celular sempre que precisar responder a alguém. Ponto negativo para o Google.

5 - Quase ninguém ainda o usa

O Allo pode ser muitas coisas que o WhatsApp não é, mas popular não é uma delas. Enquanto o mensageiro verde já está instalado em mais de 1 bilhão de smartphones e é um dos apps de comunicação mais usados no mundo, o primeiro ainda sofre para mostrar contatos online.

Este é, talvez, o principal motivo para você não usar o Allo. Se não há com quem conversar, não há por que mantê-lo no smartphone. É só mais um app ocupando espaço útil da memória, sendo que você certamente não poderá desinstalar o WhatsApp enquanto quase todos os seus contatos continuam lá. Não vale a pena, pelo menos por enquanto, apostar no Allo.


Fonte: Olhar Digital

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Dica de configuração do CURA usando PLA

Essas são as configurações que eu fiz em minha impressora ANET A8 para imprimir no PLA.

Criei 2 perfis, um com média qualidade (0,2mm) e outro com alta qualidade (0,1mm).

Média Qualidade



 Alta Qualidade

No filme o Livro de Eli, o personagem principal é cego?

Acho que o filme vale a pena, não só pela excelente fotografia, mas por alguns outros pontos. Eli pode ser cego sim. Ainda vou assistir mais uma vez o filme para confirmar, mas alguns detalhes são importantes para serem notados:
1) Cegos geralmente usam óculos de sol, portanto o fato de todo mundo usar, esconde um pouco o fato de ele usar.
2) Nem todos os cegos tem olhos do mesmo jeito. Se ele não for completamente cego, ele é o suficiente para ter que aprender Braile
3) Ele não olha para o sol e sim o sente em sua face.
4) Ele não encherga que a bateria de seu iPod está acabando? pq fica batendo nele?
5) Vai para o escuro lutar com os primeiros bandidos. Uma tremenda vantagem para quem é cego. Técnica muito usada pelo super-herói Demolidor.
6) Só atira qdo ouve de onde vem o tiro. Se ninguém atirar ele não revida.
7) Ele mata um passaro pelo som. É forçado ele acertar tudo, mas isso é para deixar a gente confuso.
Pois bem, só assisti uma vez, mas vou confirmar isso tudo na segunda. Acho qu…

Suporte para Notebook com tubos de PVC

Fonte: http://tecnicolinux.blogspot.com.br